חלומות

SONHOS

dune-2.jpg

O MESTRE DOS ANTIGOS

Bom dia mestre. Venho novamente relatar um novo sonho que tive nesta madrugada. Desta vez sonhei que estávamos eu e o senhor andando em Israel lá no Monte das Oliveiras, e encontramos uma árvore linda que estava cheia de frutos (porém não sei quais eram esses frutos). Pareciam Tâmaras ou algo do tipo, e estávamos cansados porque tínhamos andando bastante como se tivéssemos vindo de uma viajem a pé. Então a gente viu essa árvore e eu disse "-vamos sentar embaixo daquela árvore?" E então o senhor sorriu e respondeu "-vamos" e então sentamos e o vento era tão refrescante, a paisagem era tão única tão verde, e olhamos ao longe e vimos um vinhedo e perto do vinhedo vimos um rio que passava do lado. As águas eram tão cristalinas que parecia luz de tanto que eram cristalinas. De longe, víamos os peixes nadando e era tão linda tão maravilhosa aquela paisagem que ficamos extasiados com aquele vento e aquela sombra maravilhosa, e então começamos a cantar e dizer o quanto o Sagrado (bendito seja ele) é maravilhoso. Foi quando veio um menino e uma menina correndo pelo campo, brincando e vindo em nossa direção. E então, observamos e elas chegaram perto de onde estávamos deitados encostado na árvore, e o menino perguntou para o senhor "- a sombra está boa? Mestre dos antigos?" E você respondeu "- sim, está maravilhosa, como tudo que o Sagrado nós dá" e então a menina perguntou para mim "e o senhor meu rei, a sombra está boa para ti?" E eu disse exatamente o que você falou que  "- sim, está maravilhosa, como tudo que o Sagrado nós dá". E então em uma só voz a menina e o menino perguntaram "- querem se refrescar e comer? Buscaremos para vocês a água daquele rio e as uvas, vocês querem? Então respondemos que sim. Porém eles olharam para a gente e novamente em uma só voz disseram: "- Essas delícias logo serão de todos, e a todos vamos levar essas maravilhas pois todos são mestres e reis, e está chegando a hora dos reis e mestres se levantarem e comerem das únicas uvas e beber daquela água (e apontaram pra o rio que passava perto do vinhedo)." Porém enquanto essas crianças diziam isso veio um pastor com as ovelhas (eram 5 ovelhas brancas como a neve) e ele disse "- filhos digam também a eles que as suas línguas e as palavras doces que saem das bocas de vocês são a sabederia dos meus palácios, é a serpente de Moisés, e que dará cabo das serpentes dos faraós das nações que contra o Meu Nome pelejam e na ignorância se levantam contra mim e minha Torah. É chegada a hora de que haja luz." E então fiquei pensativo... e sentado com as crianças, e você se levantou e foi andar com esse pastor que apareceu do nada e foi andando até o rio, e então eu acordei pulando da cama com imensa saudade daquele lugar lindo que estava junto a você.

 

Mateus Silva